23 out 2015

GED no backoffice: eficiência na fidelização do cliente

Em tempos nos quais os mercados estão cada vez mais competitivos, o cerne da conquista e da fidelização de clientes está no atendimento. Por esta razão, em que pese a importância fundamental de um GED, e mais que isso, de uma gestão de documentos eficiente (e, por consequência, de processos), a preocupação da empresa ou organização forçosamente deve estar voltada a tal aspecto. Na verdade, trata-se da tarefa mais importante (e – por que não dizer? – difícil) em qualquer área; porém, no setor de serviços, essa realidade chega até mesmo a assumir contornos dramáticos em várias ocasiões.

OTIMIAR PROCESSOS E MELHORAR FLUXOS DE DOCUMENTOS

Nesse contexto fica claro que, ao investir em um sistema que potencialize o fluxo de documentos e, assim, proporcione o suporte necessário aos processos do dia-a-dia, boa parte das preocupações com o backoffice acaba se dissipando. Em concessionárias de veículos, por exemplo, respostas rápidas às consultas necessárias para a concessão de crédito se traduzem em um ótimo exemplo de satisfação do cliente. Nesse sentido, portanto, sem uma plataforma eficiente de GED não haveria agilidade – e processos morosos normalmente levam à perda de clientes.

ebook-GED-gestão-eletronica-documentos

Diante de tal exemplo, não há o que discutir: uma plataforma de gestão de documentos moderna e com funcionalidades desenvolvidas para aprimorar fluxos de documentos e processos (além de outras vantagens) significa tranquilidade e confiança para proporcionar um atendimento pleno, eficiente e ágil sem preocupações com trâmites que, em outras circunstâncias, levariam horas – e, em alguns casos, até mesmo dias. Sem esse tipo de problema, portanto, o foco se mantém exatamente onde sempre deveria estar: no atendimento ao cliente.

E é o caso das empresas de contabilidade, também. Plataformas de GED dão aos clientes acesso à documentação necessária de forma rápida, com muita segurança e sem qualquer tipo de complicação – além de acabar com a constante preocupação com as datas de vencimento de impostos e obrigações fiscais. Para o segmento de construtoras, a exemplo das concessionárias, a aprovação de crédito vem logo no estande de vendas. A ausência de preocupação com o backoffice, portanto, significa concentrar esforços imprescindíveis na conquista e manutenção de clientes com base em sua satisfação – que, muitas vezes, se traduz em um atendimento ágil e eficiente.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *